3 de dezembro de 2015

MAIS UMA GUARDA QUE CAMINHA NA DIREÇÃO DA REGULAMENTAÇÃO


ALIANÇA, PARCERIA, PROJETOS E COOPERAÇÃO.
ESSE É O CAMINHO. 

Chegou a hora de conhecermos um pouco da 
Guarda Municipal de Vitória/ES
Atuando em uma cidade que é Capital do Estado do Espírito Santo, com população estimada em 355.875 habitantes, a Guarda Municipal de Vitória conta com aproximadamente 500 Guardas, divididos Grupamento Comunitário e Grupamento de trânsito. Ou seja Guardas destinados só para o trânsito e Guardas só destinados para a parte comunitária, que é a segurança do cidadão, dos próprios municipais e etc.

Os Guardas Comunitários trabalham com armamento Letal, já os Guardas de trânsito não trabalham armados.

quem chega a cidade e começa a transitar por ela, logo percebe que há uma diferença de atuação, não só pela empregabilidade mas também pela identificação visual, pois as viaturas são diferenciadas e os uniformes também.


Mas o trabalho de ambos os segmentos, são realizados com muita competência. 

Depois de muitas tratativas o cenário que descrevemos acima, está caminhando para uma unificação, pois os Agentes de trânsito fizeram curso visando completar grade curricular, o que é fundamental para que os dois grupamentos possam ser unificados e todos tenham a mesma prerrogativa.

Esta unificação passa por um momento delicado, pois há correntes a favor e correntes contra, pois um lado quer a unificação, abarcada de todas as vantagens que também são pleitos de tropa e há previsão legal, pois estão todas contidas na Lei federal 13022. O outro lado entende que a unificação é um pleito também antigo e mesmo não vindo acompanhado de mudança no plano de cargos de salários e outras questões, deve ser realizada, e a partir dai todos juntos devem partir para novas articulações e tratativas visando as conquistas necessárias.

Na visita que fizemos as instalações da Guarda de Vitória, onde tivemos como anfitrião o Guarda Borges,
que é o responsável Estadual, da rede de Ensino a Distância do SENASP . Conhecemos bases comunitárias, setor de manutenção de viaturas, a antiga base que foi comprada pela Prefeitura e hoje está interditada, 





estivemos no curso de atualização dos Guardas Comunitários,

visitamos um setor que é semelhante ao 190 aqui no estado do Rio, o setor de monitoramento e tivemos acesso a interessante estrutura de remuneração e operacionalização de emprego de instrutores Guardas, na área de ensino que é chefiada pelo Coordenador Medeiros.

Mesmo antes da tão sonhada e necessária unificação, dados de uma pesquisa feita, mostram que os Homicídios cairam 10% no Estado do ES em um ano.
O número de homicídios dolosos (quando há intenção de matar) caíram 10% no Estado do ES, em relação ao ano passado. Este é o melhor resultado já obtido nos primeiros 11 meses do ano, desde que foi criada a série histórica. Em 2014 foram registrados 1.409 homicídios dolosos contra 1.274 entre janeiro e novembro de 2015.
Na Grande Vitória

A redução foi ainda maior na Grande Vitória. Chegou a 19% quando comparada ao mesmo período de 2014. Vitória apresentou a maior queda: cerca de 48%; Vila Velha teve a segunda maior redução, com 25%, seguida por Cariacica, com 18%, Guarapari, com 15% e Serra, com 7%.

Essa é a Guarda Municipal de Vitória que está no caminho de uma adequação a Lei federal 13022.

Parabéns aos Guardas de Vitoria, pelo belo trabalho desempenhado na cidade, e pela luta para construir uma Guarda com condições de trabalhar mais e melhor pelo povo de Vitória.