10 de janeiro de 2012

Guarda Municipal do Rio de Janeiro inova em seu processo de formação de profissionais



Guarda Municipal do Rio de Janeiro inova em seu processo de formação de profissionais, com o sistema de escala 12x36, onde 500 alunos enfrentam uma jornada de 12 horas de aprendizado, onde já está incluido tempo para café da manhã, 1 hora para almoço e 30 minutos para lanche da tarde. No dia seguinte os 500 alunos do dia anterior folgam e novos 500 passam pela mesma rotina que inclui o sabado também.
Esta inovação teve de ser aplicada ao corpo de instrutores da Academia de Ensino da GM Rio.
A Coordenadoria de Ensino da GM Rio em conjunto com o Comando da GM Rio e a Preteitura demonstraram competência administrativa, pois inicialmente foi levantada a hipotese do curso de 1000 alunos ser ministado por empresa contratada, onde seria gasto pelo ou menos 3 vezes mais do que a forma inovdora que vem sendo utilizada.
Com a proposta de aumentar o adcional do instrutor, que anda congelado já ha um bom tempo, e complementando com o pagamento de hora aula. O custo ficou bem reduzido, trazendo uma enorme ecônomia ao cofres públicos municipais.
Devido aos trámites administrativos, a unica coisa que ainda não se consolidou é justamente a remunereção dos Instrutores que são em sua maioria
Guardas de carreira. Mas declarou o Coordenador Narciso Cmt do setor, que irá esta semana buscar a solução.

CONTRATAÇÃO DE PMs -VERBA DO MUNICÍPIO PARA PAGAR SERVIÇO QUE É RESPONSABILIDADE DO ESTADO.

CONTRATAÇÃO DE PMs - PREFEITO DE NITERÓI GASTA VERBA DO MUNICÍPIO PARA PAGAR SERVIÇO QUE É RESPONSABILIDADE DO ESTADO.
Olá Prezados amigos!
O GLOBO:
Policiais vão trabalhar fardados em dias de folga.
Prefeitura de Niterói vai contratar PMs para reforçar ações da Secretaria municipal de Segurança e Controle Urbano.
A partir do mês que vem, Niterói terá mais policiais militares circulando pelas ruas. Mas não se trata de reforço no efetivo do 12 BPM. A prefeitura vai contratar PMs que estiverem de folga, independentemente do batalhão em que estejam lotados, para reforçar o patrulhamento a pé e acompanhar operações de controle urbano, de fiscalização de posturas e de repressão ao transporte alternativo irregular, entre outras. O prefeito Jorge Roberto Silveira informou que, a princípio, serão contratados 70 policiais, o que representa investimento de R$ 2,8 milhões anuais. Esse número deve aumentar gradativamente até março. A verba faz parte dos R$ 7,8 milhões previstos no orçamento para a área este ano (Leiam).
S.Alves diz:
Policiais Militares são funcionários estaduais e devem ser pagos pelo estado quando atuam na segurança pública. Os gastos dos municípios relacionados à promoção da segurança pública devem ser direcionados às guardas municipais. Parece que o prefeito de Niterói, Jorge Roberto Silveira, pretende seguir os passos do prefeito do Rio de Janeiro, que gasta mais de R$ 10 milhões por ano para gratificar os PMs que trabalham nas UPPs, enquanto nos Guardas Municipais ganhamos salários insuficientes, e temos direitos financerros cerciados.
Sozinho somos gota, juntos formaremos um oceano!